As Rimas de Catarina

Release do evento

site-As-rimasLivre adaptação da farsa medieval O Pastelão e a Torta, o espetáculo faz uso de técnicas circenses, do teatro de animação e da linguagem clownesca  para contar uma história que se passa no mundo do faz-de-conta. A montagem tem como protagonista Catarina, uma meiga pasteleira que trabalha noite e dia fazendo doces e salgados para o seu cruel patrão, Leopoldo, vender no Chapadão. A moça que, curiosamente, tem acessos de rimalelê todas as vezes que escuta palavras que começam com P e terminam com ÃO, sonha em ganhar o mundo, mas está presa a Leopoldo por um contrato que a impede de partir. O encontro de Catarina com o saltimbanco Pirulão e o seu parceiro Disposto, um boneco divertido e encrenqueiro que se recusa a trabalhar de barriga vazia, vai mudar completamente os rumos dessa história e transformar para sempre a vida da moça.

Artista/Grupo

A Cia Rapsódia estreou no cenário teatral baiano com O Espião, texto de Bertolt Brecht e direção de Tânia Flores, no ano 2000. O grupo acredita que o teatro é fator de transformação social, tanto de quem faz como de quem recebe e interage com a obra artística. Com mais de dez anos de atuação, tem contribuído para a cena baiana e participado de movimentos de valorização do teatro. Em seu repertório constam os seguintes espetáculos: Deus Danado, A Árvore dos Mamulengos, A Gema do Ovo da Ema, Navalha na Carne (todos com direção de Alda Valéria), O Capataz de Salema (direção de Juliana Rangel) e As Rimas de Catarina, vencedor do Prêmio Braskem de Teatro 2012 de melhor espetáculo infanto-juvenil. Premiado nacionalmente, o grupo já participou de vários festivais e é coordenado pelo ator Bira Freitas.
Ficha

Texto: Ilma Nascimento
Direção: João Lima
Elenco: Bira Freitas e Jorge Baía
Trilha sonora: Rubinho D’Ávilla
Desenho de luz: Geovane Nascimento
Cenografia: Fábio Pinheiro
Figurino: Rino Carvalho
Produção: Alda Valéria, Bira Freitas, Ilma Nascimento e Jorge Baía
Língua: Português

Marcelo Lopes
Sobre Marcelo Lopes 262 Artigos
Historiador, produtor cultural, escritor, artista gráfico e técnico-analista em projetos culturais.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*