Deus e Águas, Terra, Mar e Céu, memórias da Folia de Reis em Vitória da Conquista, Bahia

Olha a graça, meu bom Deus
Que aqui eu já cheguei
Pra cantar o Santo Reis
Peço licença primeiro

Porta aberta e luz acesa
Recebei com alegria
Recebei o Santo Reis
Filho da virgem Maria

E também dono da casa
Não repara isso não
Que esse Reis é de promessa
Foi chegada a ocasião

Viva Santo Reis!
Viva os donos da casa!
Viva a todos que aqui estão!
Viva!


O Terno de Reis é uma manifestação da cultura popular, que, na região de Vitória da Conquista, Bahia, se realiza pela atuação de grupos de foliões que, entre os dias 01 e 06 de janeiro, saem todas as noites, visitando casas a fim de celebrar a visita dos três reis magos (Belchior, Baltasar e Gaspar) ao recém-nascido menino Jesus e sua família; acontecimento bíblico, descrito no novo testamento.

Além do aspecto religioso, a manifestação do Terno de Reis tem também em sua realização aspectos profanos. Na musicalidade está dimensão é marcada pelo canto dos “sambas”, versos de temáticas variadas, rimados, organizados em quadras e acompanhados pela rítmica alegre do repique dos tambores, pelas brincadeiras e sambada dos foliões.

O Terno de Reis Deus e as Águas, Terra, Mar e Céu é um grupo tradicional que tem suas raízes na zona rural de Vitória da Conquista, Bahia, numa localidade conhecida como Bezerro, e que nas últimas décadas esteve sediado na zona urbana da cidade, no bairro Alto Maron. Liderado pelo Mestre Agapito, o grupo é uma referência da cultura tradicional da região.

Nos últimos dois anos, o grupo não pode mais se apresentar, devido a complicações de saúde do Mestre Agapito, atualmente com 89 anos de vida. Ainda assim, a vivência no Terno de Reis ocupa boa parte das memórias de seus foliões. Eles conhecem os saberes, os desafios e os sentidos dessa manifestação e suas lembranças nos dão notícias de elementos importantes da cultura local.

Durante o primeiro semestre de 2021 a pesquisadora Izis Guimarães, realizou junto ao Olaria, grupo de artes integradas, performativas e de pesquisa, um trabalho de escuta, reflexão e escrita, sobre as histórias e as memórias deste grupo de Terno de Reis. Os foliões do grupo foram entrevistados e compartilharam informações sobre a estrutura, organização, sentidos e memórias do Terno de Reis.

Essa pesquisa foi realizada em parceria com a Fundação Pedro Calmon, via Lei Aldir Blanc.

Para conferir o artigo completo e acessar o vídeo documentário da pesquisa acesse os seguintes endereços eletrônicos:  

 

Para acesso do artigo completo:

https://drive.google.com/drive/folders/1KJn0jb5BK33Ku5xC7jl2JSb3n8JM3a3z?usp=sharing

 

Para acesso do vídeo doc:

https://youtu.be/Xz6PJvibso8

 

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia, através da Secretaria de Cultura, e da Fundação Pedro Calmon (Programa Aldir Blanc Bahia), via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo do Governo Federal.

 

#FPC #SecultBa #LeiAldirBlancBahia #ProgramaAldirBlancBahia #CulturaqueMovimenta #Bahia

 

Marcelo Lopes
Sobre Marcelo Lopes 263 Artigos
Historiador, produtor cultural, escritor, artista gráfico e técnico-analista em projetos culturais.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*