Mostra Cinema Conquista: a sessão começou

Release da Mostra

A Mostra Cinema Conquista – Um olhar para o novo cinema chega a mais uma edição, em 2012, como um dos eventos culturais mais importantes da Bahia. Já são oito anos de esforços incansáveis na busca da democratização do acesso ao cinema nacional. Promovendo a exibição, formação e discussão sobre a sétima arte e sua diversidade, apresentando as recentes realizações por meio de filmes de longas e curtas-metragens, o evento coloca Vitória da Conquista no circuito nacional de difusão audiovisual e como destaque no cenário cultural baiano. Este ano, a mostra será realizada de 07 a 11 de novembro de 2012.
Além das exibições, a Mostra Cinema Conquista – Ano 8 trará ao público a realização de conferências, oficinas, lançamentos de livros, exposições e atividades culturais, com acesso gratuito para a população. Tudo isso acontece em um contexto muito especial para a cidade, em que se homenageia, nesta edição, os 20 anos do Programa Janela Indiscreta Cine-Vídeo Uesb, embrião e, depois, impulsionador das ações de cinema em Vitória da Conquista e região; com a instalação do Curso de Cinema da Uesb e, agora, com o projeto para a implantação de um Polo de Cinema em Vitória da Conquista. Por tudo isso, a Mostra Cinema Conquista – Ano 8 destaca-se por ser não apenas um evento de exibição de filmes, mas um lugar de suma importância para o debate, o desenvolvimento e a consolidação do cinema na Bahia.
HISTÓRICO
Nas edições da Mostra Cinema Conquista, de 2004 a 2011 foram desenvolvidas as seguintes linhas de ação: Mostras de longas metragens (nacionais e internacionais); Curtas metragens (nacionais); Seminários, com mesas redondas e palestras; Conferências, oficinas audiovisuais, lançamentos de livros, exposições, homenagens e atividades culturais.
Público participante: Neste percurso tivemos um público, cada vez mais crescente, saindo de aproximadamente 3.000 pessoas na primeira edição, para 8.000 mil pessoas na ultima edição, realizada entre os dias 08 a 12 de novembro de 2011.
Exibições de filmes: Na grade de programação dos filmes exibidos, oferecemos uma pequena mostragem de filmes brasileiros, de longas e curtas-metragens, da produção recente:

– Dos 97 longas-metragens (81 nacionais e 16 internacionais), já exibidos (35mm e Digital) em todas as edições anteriores, destacamos, nas três últimas edições:
Em 2009: “Anabazys”, “Se Nada Mais Der Certo”, “Loki”, “A Onda”, “A Teta Assustada”;
Em 2010: “Uma Noite em 67”, “O Homem Que Engarrafava Nuvens”, “Antes Que o Mundo Acabe”, “Filho de João”, “No Meu Lugar”;
Em 2011: “Jardim das Folhas Sagradas”, “Terra Deu, Terra Come”, “Riscado”, “O Homem Que Não Dormia”.
– Dos 190 curtas-metragens nacionais, já exibidos (35mm e DVD) em todas as edições anteriores, destacamos, nas três últimas edições:
Em 2009: “Nós Somos um Poema”, “Cães”, “Olhos de Ressaca”, “Doido Lelé”, “Café com Leite”, “Os Sapatos de Aristeu”, “O Artesão dos Sonhos”;
Em 2010: “Haruo Ohara”, “Ave Maria, Ou A Mãe dos Sertanejos”, “A Noite Por Testemunha”, “Muro”, “Carreto”, “Recife Frio”;
Em 2011: “Braxília”, “Sala de Milagres”, “A Grande Viagem”, “Olho de Boi”, “Cavalo”, “A Mula Teimosa e o Controle Remoto”, “Ser Tão Cinzento”;
Ações complementares: Nas sete edições anteriores, foram realizadas diversas ações para a formação e a discussão do audiovisual brasileiro, tais como:
05 Seminários e 06 Conferências, com a participação de representantes do meio audiovisual, entre eles: D. Lúcia Rocha, Luís Orlando, Lula Oliveira, José Araripe, Solange Lima, Diogo Gomes, Guido Araújo, Paloma Rocha, Eryk Rocha, Rosália Duarte, André Gatti, Jorge Nóvoa, Eliane Barroso, Danilo Barata, Póla Ribeiro, Antônio Leal, Sofia Federico, Eder Santos, Celso Sabadini, Silvio Tendler, entre outros;
12 Lançamentos de Livros, de temáticas inerentes ao meio audiovisual, com a apresentação dos seus autores, entre eles: Maria do Rosário, Elinaldo Teixeira, Alessandra Meleiro, Kátia da Silveira, Inês Teixeira, Rose Clair Matela, Orlando Senna, Hermes Leal, André Setaro, Marcelo Miranda;
11 Oficinas/cursos, para a formação e produção audiovisual, ministradas por profissionais renomados, entre eles: Elisa Tolomelli, David Tygel, André Setaro, Luiz Gonzaga de Luca, Hilton Lacerda, Inês Teixeira, Caó Cruz, Joel Pizzini, Pedro Ortiz, Felipe Macedo, Bete Bullara, Paulo Santos, João Carlos Sampaio, Moacyr Gramacho, Rodrigo Grota, entre outros.
Marcelo Lopes
Sobre Marcelo Lopes 263 Artigos
Historiador, produtor cultural, escritor, artista gráfico e técnico-analista em projetos culturais.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*